domingo, 12 de fevereiro de 2017

S.H. Figuarts Cure Sunny

Saudações.

Desta vez vou falar da versão S.H. Figuarts da Cure Sunny, do desenho Smile Precure!, feita pela Bandai.


1. Informações
2. Modelagem
3. Articulações
4. Acessórios
5. Ação

Obs.: Esta apresentação usa os conceitos japoneses. Algumas partes, como os nomes de golpes e frases de efeito são traduções/adaptações que fiz desta versão. Por isso elas são diferentes do que aparece em Glitter FORCE.


1. Informações



Akane Hino vem de Osaka e se mudou para Nijiirogaoka há um ano atrás. O que ela mais gosta é de fazer as pessoas rirem e dá bastante importância para suas amigas. Akane faz parte do Clube de Vôlei da escola e sonha em ser a atacante principal do time. Para isso, ela se esforça todos os dias, treinando até depois das aulas. É em uma dessas que Akane conhece Miyuki, que a ajuda(?) e a faz persistir em seu sonho.

A dubladora de Akane é Asami Tano, cujo aniversário é no dia 12/02, exatamente quando esta matéria foi escrita, e a estréia da Cure Sunny também foi nessa data em 2012.

Um dos objetivos de Smile Precure! era o de animar as crianças depois do Grande Terremoto de 2011 que havia acontecido no ano anterior à sua estréia. O diretor Takashi Otsuka conta que ponderou muito sobre como fazer isso. Ele pensou no que as crianças achariam interessante e chegou à conclusão de que elas gostam de algo "divertido". E daí saiu a premissa básica da série: a de ser divertida, engraçada. Por isso as personagens se deparam com situações inusitadas como trocar de corpos uma com a outra, ficar invisíveis ou virarem crianças. Asami Tano conta em uma entrevista que ela sempre quis ficar invisível e usar um guarda-chuva como para-quedas, como em Mary Poppins, e acabou realizando seus desejos através de Akane.

Em Glitter FORCE, Akane se tornou "Kelsey" e Cure Sunny se manteve como a "Glitter Sunny". Muitos dos dos episódios dedicados a ela acabaram cortados, o que a prejudicou muito. Ia ser interessante se ela fosse a "mexicana" ou a "latina" do grupo. Na versão em português a imaginava dublada por Fernanda Bullara e Miyuki sendo interpretada por Márcia Regina. Infelizmente não foi assim... Infelizmente não foi...


Apesar de seu jeito de moleca, Akane foi a única do grupo a ter uma experiência amorosa, no caso com Brian Taylor, estudante inglês que ficou por uma semana no Japão em um programa de intercâmbio. De acordo com o diretor Otsuka, o episódio de Akane com Brian teria como tema principal a amizade ao invés do amor. Isso é mostrado com Akane sendo ajudada por suas amigas com todos os recursos que estavam à mão para que ela fosse se despedir dele no aeroporto. Mesmo assim o romance não foi deixado de lado e é contado como Akane passou a gostar dele.

Na versão em romance literário é contado sobre o reencontro dos dois. Akane é mandada para Londres por seu pai para que ela treinasse e abrisse um restaurante por lá. No começo Akane fica perplexa com um desafio tão absurdo, mas no final percebe quais são as verdadeiras intenções de seu pai. Eventualmente ela se reencontra com Brian e ele vem estudar em uma universidade japonesa. Akane o hospeda em sua casa e o ensina a fazer Okonomiyaki. Tudo parece correr bem e ela até pensa em casamento. Mas Brian revela que veio apenas para estudo e que seu sonho é o de divulgar a cultura japonesa na Inglaterra. Akane fica chocada e não consegue mais fazer Okonomiyaki.

Nisso ela recebe a visita de Yayoi, que agora é uma desenhista de quadrinhos de sucesso e está em crise criativa. Akane faz um Okonomiyaki para Yayoi que, ao sentir esse sabor tão nostálgico tem uma ideia de como desenhar o último capítulo de sua série em quadrinhos. E Akane recupera suas habilidades ao ver Yayoi e querer animá-la com algo gostoso. No final, Akane percebe que o que lhe dá mais satisfação na vida é fazer as pessoas felizes. E com isso, ela finalmente deixa que Brian parta para seu país de origem e vá em busca de seus sonhos.

Mas para quem queria ver Akane e Brian juntos no final, não é preciso se preocupar. O autor, Yuji Kobayashi, escreveu o livro de modo que todos os fãs possam continuar imaginando sobre o que aconteceu com cada uma das Cures depois do desenho sem destruir suas fantasias.

O modelo esteve disponível por venda exclusiva no site da Bandai por tempo limitado.

O conteúdo da caixa. É quase o mesmo da Cure Happy, mas algumas mãos são especiais. 

2. Modelagem


Visão de corpo inteiro. Sunny foi o último modelo da série e por isso ficou bem caprichada. 

A expressão "A", que vem de fábrica, é um sorriso aberto, como na Happy. A desenhista de personagens, Toshie Kawamura indicou que os olhos deveriam ser levemente puxados para cima, de menina travessa.

A expressão "B", usada para lutas. Combina bem com Akane, que demonstra grande talento para a luta.

A expressão "C" é de raiva, quando está prestes a encher a cara de um inimigo de bolacha.

A expressão "D" é um sorriso maroto, mostrando os dentes, algo inesperadamente raro em figuras. Akane tem uma risada característica com esse rosto, que Asami Tano fez por improviso. O diretor Otsuka aprovou na hora.


O cabelo é curto e por isso é fácil deixar o modelo em pé mesmo sem usar um suporte. Os fios soltos são feitos de material maleável, mas ainda assim exigem cuidado para se manipular. O enorme coque é modelado conforme as especificações de Toshie Kawamura, de modo que ele seja amarrado pelo próprio cabelo.


O broche com o emblema das Smile Precure. O laço tem um formato diferente da Happy.


As ombreiras com o formato de asinhas. Elas são um pouco mais curtas que as da Happy. Os enfeites desta vez não usam material transparente e nem pintura metálica.


As luvas possuem adornos em formato de fitas e cobrem todo o braço.


As bocas das mangas são parecidas com as da Happy, inclusive com o protetor para o dorso.


Detalhe da pochete para carregar o Smile Pact. Sunny também não vem com um. 


A saia tem essa cobertura na parte de trás.


As botas também vêm com fitas como nas luvas.



Os sapatos são iguais aos da Happy, pintados nas pontas e nos saltos.


3. Articulações





Devido ao cabelo curto, a Sunny consegue mover o pescoço com mais facilidade.



A protoforma é a mesma da Happy e por isso não existem muitas diferenças nas articulações.


O meu exemplar da Sunny tem uma rachadura na articulação do cotovelo direito. E de fato ela é um pouco mais frouxa. Devo manipular essa parte com cuidado...


4. Acessórios


Além das mãos que vêm com a Happy, estão incluídas algumas especiais, como esta, como se estivesse estalando os dedos. Ela faz isso para criar uma fagulha e acender fogo em seus ataques.

Está incluído este par de mãos abertas, com os dedos juntos e o polegar em riste. Esta é a pose do "nandeyanen" (algo como "e por que?!" em japonês, no dialeto de Osaka). Esse é um elemento da comédia Manzai japonesa, em duplas, na qual um fala uma besteira (boke) e o outro aponta isso (tsukkomi) usando essa frase e batendo de leve no parceiro com a mão nessa posição. Akane é adepta desse estilo de comédia e atua como o "tsukkomi" do grupo.

Está incluída também este pino para o pescoço, sem a movimentação para a vertical para segurar a posição na cabeça no lugar, pois poderia pender para trás devido ao peso do cabelo. Mas ele não é necessário para este modelo, já que a Akane tem cabelo curto.

Este é o mascote Pop, irmão de Candy, interpretado por Daisuke Sakaguchi. Ele fala como samurai e tem a habilidade de mudar de forma, ajudando as Smile Precure, embora não fique por muito tempo e acabe voltando para Märchenland (sob protesto dos fãs). Dedicado, estudioso e responsável, Pop é bem diferente de Candy. Será que os dois são irmãos mesmo......?

Curiosidade: Em um episódio Pop aparece com uma forma humana, vestido de samurai e até tenta enfrentar os inimigos. Mas visto que o dublador é o mesmo do Shinpachi de Gintama, dá para prever o resultado...


Assim como a Candy, ele pode virar o pescoço. A cauda também pode ser girada e por isso é fácil deixá-lo em pé.


A base com suporte incluída é muito parecida com a da Cure Happy.


É só que  a garra tem um tamanho diferente. A que vem com a Sunny é mais curta.



A garra da Sunny se prende mais rente ao corpo, enquanto o da Happy tem uma folga.


5. Ação



READY...
- PRECURE! SMILE CHARGE!!!
GO!!!


GO! GO! LET'S GO SUNNY!!!

























- O Sol Radiante!




- Poder com Sangue Ardente!




- CURE SUNNY!!!
A cena de transformação e apresentação pode ser feita sem grandes problemas.

O elemento que Cure Sunny controla é o Fogo. Sendo assim, peças de efeito de fogo e explosão (não incluídas) combinam com ela.

Esta peça da mão é um pouco difícil de usar, pois o pulso da Akane é fino e pois isso ela acaba pendendo para os lados.

Akane estala os dedos para criar uma fagulha e incendiar o ar ao seu redor para dar, por exemplo, este soco incendiário.

Akane tem bastante força física, sendo capaz de rachar o chão e erguer rochedos muito maiores que ela mesma.


- PRECURE!




- SUNNY!


- FIRE!!!
Para usar seu golpe especial, Akane usa suas técnicas de vôlei, disparando uma bola de fogo que se torna uma rajada que incinera o oponente.

Akane não usa só força, como também a técnica. Em um episódio, ela desliza pelo chão criando uma onda de fogo e dá um uppercut flamejante, que o manda o inimigo para o alto. Dali ela dá um super pulo e emenda com o Sunny Fire.
Curiosidade: esse episódio foi exibido no mesmo dia da estréia de Souma de Leão Menor em Saint Seiya Omega. Souma e Akane têm várias semelhanças, como a cor-símbolo e o elemento.
Obs.: este episódio foi cortado de Glitter FORCE.


Akane é criativa na hora da luta e com isso consegue improvisar até mesmo uma espada de fogo.
Obs.: Sim, este episódio também foi cortado de Glitter FORCE. E com o agravante de ser justo o do Brian, um dos melhores da Akane.

- Quer me devolver isso?
Akane não perdoa quem magoa suas amigas.

- Me devolve logo!
Ela é a primeira a se levantar para castigar um inimigo que ouse fazer isso. A dubladora Asami Tano era bem limitada no começo, mas nesta época ela já conseguiu encarnar a personagem, demonstrando uma "fúria silenciosa". Ela conta que ficou com as mãos tremendo na hora de fazer essa cena.

Akane não costuma bloquear golpes. Pelo contrário, ela dá mais socos, neutralizando os do inimigo.


- PRECURE!


- SUNNY FIRE!


- BURNING!!!
Ao descobrir que seu tesouro mais valioso são suas amigas, Akane aprende esse golpe mais poderoso. Na versão americana se tornou o "Sparkle Fire Inferno". Pessoalmente acho que soou melhor.

Akane é boa no preparo de Okonomiyaki, um prato típico de Osaka.


O pai de Akane, Daigo, foi interpretado por Masaki Terasoma, que foi o Kintaros em Kamen Rider Den-O. Os dois personagens falam com o dialeto de Osaka e usam bastante a força física na luta.


Assim como eu queria fazer fotos da Miyuki com a Madoka, faço estas da Akane com a Kyouko.




As duas têm expressões parecidas, incluindo aquelas mostrando os dentes, tanto no sorriso quanto na raiva.


Best Partners!
Uma cozinha e a outra come.


E esta foi a apresentação da versão S.H. Figuarts da Cure Sunny, feita pela Bandai. Trata-se do último modelo de Smile Precure! e por isso foi fabricada na época em que todos os princípios foram consolidados. A personagem é bem fácil de usar devido ao seu elemento, e tendo várias peças de efeito (ou criando no computador) dá para fazer várias coisas com ela. Como deu para ver nas fotos acima, ela atiça a criatividade, com um enorme leque de possibilidades. O grande problema mais uma vez é o controle de qualidade. Além da rachadura na articulação do cotovelo direito, no meu exemplar a articulação do pulso esquerdo escapa com facilidade e é difícil colocar de volta no lugar pois não vai muito fundo. Mas de resto, a modelagem e o sistema de articulações são bons e por isso quem quiser uma figura articulada da personagem vai gostar dessa. A disponibilidade é limitada, devido à forma de venda exclusiva, mas é possível encontrar em lojas de usados a preços razoáveis. Recomendo para os fãs do desenho.


Agora que eu vi que não tirei nenhuma foto do Pop em ação... Perdão, Pattsuan.

4 comentários:

  1. Show de review!

    Linda figura! Legal que esse short esportivo deixa ela bem com jeito de jogadora de vôlei mesmo hehehe. Bem bonita essa cobertura da saia, parece uma concha, até cheguei a pensar que a personagem teria alguma coisa a ver com conchas, mas conchas seriam mais delicadas, e essa menina é porradeira hehehe.

    Essas rachaduras nas articulações me dão arrepios. Essas figuras bem que podiam vir com umas articulações extras para trocar em caso de problemas.

    Show essa mão estalando os dedos! Me lembrou direto o Roy Mustang hehehe!

    Ainda bem que fizeram algo a mais sobre esse romance, eu já estava pensando que esse Brian era um molenga por deixar a garota na mão hehehe.

    Nossa, que sinergia a Asami Tano tem com a personagem, parece até que foi tudo combinado com essas datas! E você ainda contribuiu para essa sinergia hehehe!

    Interessante a ideia de animar as crianças após o terremoto, é bom para aliviar a mente dos pequenos após algo tão assustador. Na verdade, acho que funciona até para os adultos. Interessante também saber que a Asami Tano queria planar com um guarda-chuva como o Sakamoto fez para salvar o passarinho na tempestade (lembrando que foi o Sakamoto que ensinou a técnica para a Mary Poppins).

    E não é que a Akane e a Kyouko combinam mesmo?! Pelo visto as duas compartilham a personalidade, e a Kyouko que e comilona se daria bem com uma amiga que sabe cozinhar!

    Ah, mas espera um pouco! O Pop não pode ser fraco, ele com certeza possui a poderosa técnica Espada Sagrada do Mal Vamos Dançar a Noite Toda Fazendo Surgir um Ultramilagre Super Mario Brothers Second Edition Contra-ataque do Luigi Edição do Diretor!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Ronin!

      Pior que várias das figuras femininas que tenho da linha tem esse problema. As novas figmas vêm com uma articulação extra, mas só para o pulso. A Bandai podia fazer o mesmo. Mas o melhor seria dar um jeito no controle de qualidade.

      Uma coisa curiosa é que atualmente romance não é mais tão importante quanto era até os anos 1990. Agora a amizade e a busca pelos sonhos é o grande ponto. Em Precure tentaram várias vezes fazer algo romântico, mas sempre acaba descambando para a amizade entre as meninas. De fato até agora só uma conseguiu pelo menos um beijo. E foi rápido, ainda por cima.

      Essa da Asami Tano eu tinha lido na entrevista dela, mas acabei esquecendo. Só quando vi no Twitter dela que me lembrei e vim fazer adicionar correndo o fato na matéria. E ela já estava programada para sair hoje, já que pretendo comemorar os 5 anos da série trazendo as figuras de cada uma delas. Pena que a fotoestória não ficou pronta a tempo. Até fiz o monstro, mas não deu tempo. Vou ver se publico na semana que vem. Só não sei se vai ser com data retroativa. Duro vai ser arranjar tempo, mas vamos lá!

      Quando bati o olho já vi que a Akane e a Kyouko eram parecidas. Mais ou menos como na Miyuki com a Madoka. E desde essa época sonho em fazer fotos das duas juntas. Agora finalmente isso foi realizado. Por isso que não dá para parar de colecionar essas figuras.

      Pior que o Pop até usou esse golpe mesmo. Só que talvez tivesse sido melhor ele dar uns bombons recheados com macadâmia mesmo...

      Excluir
  2. Nobre Usys!

    De tanto ver essas lindinhas aparecendo por aqui, tomei uma atitude e assisti ao primeiro episódio da série na Netflix. Só que os nomes são outros, como você mencionou e a dublagem não ficou tão legal, pelo menos da protagonista que sonhou com as demais. Achei legal a batalha com o lobo mau e vi a casinha monstra que você fez de isopor! Ficou bem parecido!

    Sobre o review, excepcional, como sempre! Muito boa a apresentação da figura. É triste quando somos sorteados para pegar uma peça com defeito ou com acabamento mal feito... Já passei por algo parecido mas resolvi com gambiarras.

    Sobre a história do anime, muito legal a atitude do criador. Hoje em dia vemos muito "o que é que vai vender mais" - não é verdade? Acredito que tenha animado a criançada por lá, pois o enredo é bem envolvente e animado.

    As cenas de ação, como sempre, são demais! A interação da figura com os efeitos de chamas deixam ela ainda mais incrível! Deve ser bacana ter um time completo! Eu só tenho alguns de meus heróis favoritos em pequenos sets, como os 5 cavaleiros de bronze principais, as 4 tartarugas ninja e só, pelo que me lembro!

    Até a próxima, camarada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Adelmo!

      E que bom ver que resolveu dar uma chance, ainda que seja a versão americana! A versão japonesa tem mais episódios e muito mais legais. E agora deu para ver que fiz um plágio descarado do primeiro episódio. E o monstrão é fácil de fazer. Só penei para encontrar os materiais.

      Em Precure até existe isso de se vender brinquedos. Mas as equipes de produção sabem que para isso é necessário fazer algo de bom, que fique na memória das pessoas e que é isso o que faz com que elas comprem produtos relacionados. Existe uma sinergia entre a Toei e a Bandai e isso tem rendido frutos.

      A Sunny é muito boa para cenas de ação. Como o elemento dela é o Fogo, dá para imaginar um monte de golpes especiais para ela. E a própria Akane usa 100% das possibilidades desse elemento, até com combinações. Pena que muito disso ficou de fora da versão americana.

      Eu já tenho um problema(?) bastante singular: tenho mais times completos de Precure do que de qualquer outro tipo de herói. Já tenho seis conjuntos e este ano completo mais dois, além de vir mais um de uma batelada só. Mas é bom reunir os personagens dos desenhos que se gosta. Os cinco Cavaleiros de Bronze já é um grande feito! Gostava das interações deles no desenho.

      Excluir